Conceitos filosóficos em cartazes

Traduzir filosofia em imagens já não é uma tarefa muito fácil. Imagine transformar e conceituar em formas minimalistas? Desafio aceito por Genis Carreras  que traduziu de uma forma bem convincente alguns conceitos no projeto Philographics. As peças são esteticamente bem construídas e tem um grande valor educativo, por isso que cada cartaz traz uma breve descrição filosófica.

Dualismo: mente e massa são tipos de substância fundamentalmente distintos. Os seres humanos têm ambos, mente ou alma e corpo. Dualismo moral é a crença no complemento perfeito ou conflito entre o bem e o mal.

Realismo: O realismo representativo argumenta que seres humanos não conseguem perceber o mundo externo diretamente.

Niilismo: vida sem significado, propósito ou valor intrínseco. A moralidade não existe inerentemente e qualquer valor moral estabelecido é adquirido de modo abstrato. O conhecimento não é possível e alguns aspectos da realidade não existem como tais.

Relativismo: pontos de vista não tem a verdade absoluta ou validade, tendo apenas o valor, em relação subjetiva de acordo com diferenças na percepção e consideração.Princípios e ética são considerados como aplicáveis ​​apenas em contexto limitado

Autoritarismo: submissão à autoridade e oposição ao individualismo e da democracia. Um governo autoritário é aquele em que o poder político está concentrado em um líder que possue o poder exclusivo, inexplicável e arbitrário.

Idealismo: experiência é baseado na atividade mental. É contrastado com o realismo, em que o mundo externo é ter existência absoluta aparente. As únicas coisas que se pode diretamente saber são, certamente, apenas idéias.

Ateismo: experiência é baseado na atividade mental. É contrastado com o realismo, em que o mundo externo é ter existência absoluta aparente. As únicas coisas que se pode diretamente saber são, certamente, apenas idéias.

Existencialismo: Indivíduo o único responsável por dar o seu próprio significado e para viver a vida com paixão e sinceridade, lidando com suas condições, emoções, ações, responsabilidades e pensamentos.

Dogma: É a crença estabelecida ou doutrina defendida pela religião, ou por outro grupo ou organização. É autoritária e inquestionável, e não deve ser discutida ou combatida pelos praticantes ou crentes.

Reducionismo: um sistema complexo não é nada mais do que a soma de suas partes e pode ser compreendido através da definição de seus componentes individuais separadamente.

Fontes: Minimalissimo, BlogA, GenisCarreras

About patriciaprado

Atualmente a análise e a interpretação de dados tornou-se um método poderoso para se alcançar o tão almejado diferencial competitivo. A visualização de dados e infografia se apresentam como ferramentas poderosas para extrair e sintetizar as informações mais relevantes e torná-las palatáveis aos sentidos humanos. Neste sentido, o blog visa rever e discutir algumas considerações importantes deste universo informacional da visualização de dados e da infografia. Além de buscar entender a importante relação entre a forma e a informação e como elas são utilizadas para se obter o diferencial competitivo. Ver todos os artigos de patriciaprado

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: