Category Archives: vídeos

Cartografia digital

Esse pequeno documentário mostra as alterações que a criação dos mapas digitais estão proporcionando, as modificações e alterações que estão acontecendo. As contradições entre os geógrafos, a inclusão das pessoas na manipulação de informações, como: criação de histórico, de aplicativos (gps, foursquare) de dispositivos que utilizam o mapa para levar informação ou entretenimento. A gente não consegue dar um tempinho para digerir a informação dessa nova tecnologia.

O vídeo é longo e cansativo (falta um pouco de ação nele, rs) mas tem bastante informação.

Anúncios

Brincadeira com tipos

Alessandro Novelli é um italiano que adora brincar com tipos. Ele desenvolveu o “The Alphabet” gostou tanto que há pouco lançou um segundo experimento com tipos. “The Alphabet2” também usa tipografia como tema central, porém, no segundo ele usa uma técnica diferente da usada na primeira. O StopMotion é usado como ferramenta para criar um mundo em que os tipos vivem, reclamam e dançam.

Segundo

 


Giz e quadro negro

Tipografia é o centro das atenções de Dana Tanamachi. Ela atualmente trabalha no Louise Fili Ltd. E seu trabalho utiliza, basicamente, giz e quadro negro. Veja o making of da produção.

Fonte: HelloRenats


Um post com muita poeira

Estamos vivendo um momento tecnológico em que os mecanismos digitais a agilidade reinam. No meio desse furacão de novos conceitos, ideias e novas ferramentas para expressar tudo isso. Resolvi dar um tempinho e lembrar de algumas coisas que já fizeram parte da nossa vida e que nos ajudaram a construir o que temos hoje. É bom lembrar de velhas técnicas e de tantas coisas legais que ainda podemos tirar delas.


Lugares do mundo

Lembram  quanto eu falei sobre os vídeos do projeto da  EF Language? Então eles gostaram da ideia e resolveram fazer de outros lugares do mundo. Tomara que eles continuem. Existem tantos lugares legais que merecem entrar nesse projeto.

Olha só o post do Fubiz.





Homenagem do Google ao cantor Freddie Mercury

Hoje, pela manhã, postei rapidinho no Facebook a homenagem do Google ao cantor Freddie Mercury. Bela homenagem que durou 3 meses para ser produzida pela NBC. Segundo a produtora a ideia era criar uma versão colorida e alegre. Uma das mentoras do projeto foi a Jennifer Hom e ela explica aqui como foi a criação. (O trabalho dela vai render um post a parte, aguardem).

Esse do Charlim Chaplin também é criação da NBC.

Fontes: Gothamist, Mirror


Minimalismo de Viktor Hertz

Mais um pouco de minimalismo em nossas vidas. Ás vezes a gente procura fazer um trampo muito “f….” e é na simplicidade que a gente encontra isso. O Viktor Hertz é um sueco metido a fazer isso e é extremamente brincalhão, olha o que ele fala dele mesmo.

“Eu sou um fotógrafo freelance e designer gráfico com uma paixão por cinema, música e vídeos engraçados youtube. Não hesite em contactar-me, se você acha que eu posso ser útil em qualquer tipo de idéia divertida, criativa e/ou louca. Atualmente, estou muito barato, de modo você terá a oportunidade de me explorar, antes de eu ter uma boa educação e um emprego estável. Espero.” (Site dele)

O trampo dele é a coza max quirida.

Fonte: Pesquisa como cinema pictograma no google e acabei nessas imagens
 

Neomorphus! Visionário mórbido

Mutações, etapas de uma transformação. A evolução como ganho de função é denominada neo-mórfica. Ecossistema imaginário de adaptação das criaturas em seus meios – a transformação desses meios em função dessas criaturas, gerando um ciclo fantástico. A simbologia da mutação faz parte do momento que vivenciamos em nossa trajetória, mudando de espaço, encontrando um novo espectro, uma nova fase; evoluindo. Neomorphus é o segundo filme criado para a série de mini-curtas livres chamado Praepostere sendo o primeiro “Adiantum Pedatum”, realizados na técnica stop-motion com a temática da evolução do incomum dentro de um visionário mórbido.  (tradução do site da rapeize por ideiaFixa)

Curta criado pela Animatório.tv.

Making of

Fonte: Fubiz


Guardando a história dos filmes

Christian Annyas criou um site para ter uma coleção de títulos, trailer e o famoso “The End” de filmes. Mas ele conseguiu se superar e agora tem uma gama bastante rica de filmes produzidos ao longo dos anos (1920 à 2019). O site é dividido em 4 grandes áreas de acesso: a home; Film Noir; Westerns e Updates. No site ele comenta que assistia vários filmes e para provar isso começou a fazer screenshots dos filmes, mas para infelicidade do garotão o computador não aguentou as gravações (sorte nossa) e ele teve a ideia de criar o site. Pequena história de um site que tá guardando grandes histórias.

Dá para ganhar várias horas navegando pelo site.

Saul Bass ganhou uma sessão própria

Trailer do filme It’s a mad mad mad mad world (1963) é um dos vários que existem no site.

Link do FFFFound.


Pequena história da Computação Gráfica em filmes


%d bloggers like this: